terça-feira, 2 de junho de 2009

Tudo junto e Misturado: A mistura pantaneira que pega mais a cada dia

Confira aii a matéria que a MTV fez sobre o Tradição! tá imperdível!!!


A maioria dos fãs do Grupo Tradição está tensa desde fevereiro, quando o vocalista Michel Teló tornou pública sua intensão de seguir carreira solo. Os pessimistas falam no fim da banda. Mas se a humanidade dependesse dos pessimistas, ainda estaríamos andando de quatro e trepados em árvores, com medo dos predadores.

O mais provável é que teremos dois grandes nomes na música popular, ao invés de um. Um cantor romântico e uma das melhores bandas do sul do país.
Ironicamente, o Tradição é o grupo que mais rompe com a tradição, levando a proposta de fusão de diversas culturas brasileiras com a Tchê Music às últimas conseqüências. Talvez a explicação para o êxito que os rapazes tiveram em injetar influências das mais diversas ao vanerão tradicional tocado no Rio Grande do Sul esteja em sua terra de origem. O grupo é de Campo Grande, Mato Grosso do Sul, um dos estados mais novos do Brasil e de desenvolvimento recente, que atrair imigrantes de diversas regiões do país.
Tanto que entre os membros da banda encontramos representante de quatro estados da federação. O vocalista Michel é paranaense de Medianeira. O baixista Carlos Dias é do interior de São Paulo. O percusionista Arapiraka é alagoano de Arapiraca, obviamente. Os três restantes são de Campo Grande: o guitarrista Pekois, o baterista Anderson e aquele que é um dos maiores sanfoneiros desse Brasilzão véio sem porteira, Gerson Oliveira Martins, o Comédia.


Sejamos sinceros, Michel é o galã, Arapiraka é o figura, Anderson é o maestro que conduz o show, Carlos e Pekois são presença, mas Gerson é o grande comediante que diverte a plateia com suas palhaçadas e atrai até as crianças para a legião de fãs do Tradição. Não é à toa que entre as comunidades de admiradores da banda no Orkut, a de Gerson é a maior. Claro, fora a do Michel, mas como ele é vocalista, não há termo de comparação.
E é ao vivo que o Tradição se destaca. Quem assiste o show logo observa que eles têm mais postura e atitude rock'n' roll maior que a maior parte das bandas de rock do Brasil na atualidade. A animação, o bom humor e a química entre os membros do grupo é contagiante e empolgante. O momento máximo (e o mais divertido) é a luta de sanfonas entre Michel e Gerson. Na hora da "briga", eles usam seus instrumentos como armas, fazem palhaçadas, piadas, caem no chão... fazem o diabo.
No show do primeiro DVD, por exemplo, eles tocam "Macarena" e fazem a dança de uma maneira que desperta aquela saudade reprimida que quase todo brasileiro sente dos Mamonas Assassinas. De costas para o público, os músicos fazem aquele rebolado totalmente sem noção que só pode ser realizado por quem tem pouco sangue africano nas veias. Ou seja, a maioria das pessoas do Centro-Oeste.
Desde sua criação no ano de 1995, quando estrearam com um disco homônimo, o som do Tradição foi sendo lapidado aos poucos, com diversas trocas de músicos até se estabilizar no ano 2000, com a formação atual. De lá pra cá, o sucesso só aumentou.

Se antes o grupo só tocava no próprio Estado, a partir do lançamento de seu terceiro disco, "Maria Fumaça", começaram a ser reconhecidos em outros locais, a ponto de serem contratados pela Universal Music em 2001. Seu primeiro disco pela gravadora emplacou "Barquinho", um hit nacional, já de cara:. No mesmo ano lançaram mais um disco, "Habanera Brasileira", e com ele foram brindados com duas surpresas: a inclusão de "A brasileira" na trilha da novela "América" e de "Hei" na série Carga Pesada.
Com o inovador projeto Micareta Sertaneja, no qual tocavam em cima de um trio elétrico, fizeram o segundo DVD e receberam seu primeiro disco de ouro das mãos do apresentador Fausto Silva. O DVD que está nas lojas já emplacou hits como "Você Não Vale um Real", a impagável "Apa (Apaixonado Por Você)" - em que o baterista Anderson interpreta o refrão gaguejante -, mais a "Megasena do Amor" e "Festa na República".

Que a saída de Michel é um desafio é fato. Mas para uma banda que sempre inventou e se reinventou, provavelmente isso será mais uma oportunidade para o público ser presenteado com um balaio de sucessos de bomba e explodir.

Um comentário:

  1. Oii..]
    Nuu adoreii a matériaa..
    super legaal..
    bjsss

    Luana

    ResponderExcluir


I made this widget at MyFlashFetish.com.